Informações do Trabalho

Título em Português ENVELHECIMENTO MORFOFUNCIONAL MUSCULOESQUELÉTICA: UMA REVISÃO
Resumo em Português O tema desse artigo é alterações morfofuncionais na musculatura esquelética estriada na senescência. Envelhecer é um processo natural e implica em mudanças orgânicas gradativas, que são inevitáveis. Isso proporciona um desgaste orgânico, por consequência, alterações no âmbito, social e emocional. A problemática abordada foi sobre esse processo de envelhecimento e as alterações nesse tecido muscular. Buscou-se compreender a senescência, quais são essas alterações musculoesqueléticas e quais fatores ambientais e comportamentais interferem nesse processo, possibilitando uma pessoa a viver mais, com independência e autonomia. O método de pesquisa foi dedutivo, por meio de uma revisão narrativa na literatura. Verificou-se que os déficits nessa musculatura influência na autonomia e independência da pessoa idosa, visto que ocorre a sarcopenia, osteopenia fisiológica. Isso contribui para a diminuição da força muscular, endurance e velocidade. Isso implica, a longo prazo, em dificuldade de locomoção, mobilidade, atividade de vida diária, e riscos de queda. Além disso, a teoria biológica sobre o processo de envelhecimento, considera que o comportamento de pensamento negativo, ruminação, ambiente estressante e a falta de um propósito de vida contribuem para um envelhecer mais rápido. Os autores apontaram que comportamentos que aliviam o estresse, como a meditação, ioga, contato com a natureza, autoconhecimento, consciência plena, resiliência e um objetivo definido na vida podem contribuir para viver por mais tempo, com autonomia e independência.
Palavras-Chave em Português Envelhecimento morfofuncional, Musculoesquelético, Teoria biológica
Autor(es) IRANILDA MOHA
Data da Defesa 23/03/2019
Data da Publicação 09/04/2019
Curso 656 - SAUDE DO IDOSO
Banca GLEISON MIGUEL LISSEMERKI FERREIRA (Orientador)
IZAQUE PEREIRA DE SOUZA
IZAQUE PEREIRA DE SOUZA
Arquivo do Trabalho Arquivo PDF